quarta-feira, 11 de junho de 2008

Lesões Esportivas...




1)Luxação:É o deslocamento traumático agudo ou permanente das superfícies que compõem uma articulação e que, assim, perdem suas relações anatômicas normais. Pode originar-se de traumatismo, malformação (luxação congênita) ou de lesões outras, como artrites que incidam sobre articulação. Trata-se de uma lesão grave.

2)Entorse : é um movimento anormal de uma articulação, que vai além da capacidade dos ligamentos daquela região. A entorse pode provocar lesões ligamentares e pode ocorrer sem que haja, necessariamente, luxação (ou seja, sem que os ossos da articulação saiam do lugar). Outros nomes comuns são "mau jeito", estiramento ou distensão de ligamento.

3)Distensão ou estiramento : dá-se quando as fibras musculares ou os tendões alongam-se além do seu normal.

4)Contusão : quando existe um trauma em qualquer parte do corpo provocado, por exemplo, por uma pancada, um chute ou uma bolada que gera um hematoma.

5)Fratura: a perda de continuidade de um tecido ósseo. Pode ser com ou sem desvio. Atletas podem ter fraturas por estresse, ou seja, por excesso de atividade. As fraturas da tíbia são as mais freqüentes.

6)Cãibra : é a contratura involuntária do músculo. Pode ocorrer por diversas causas, como o acúmulo de ácido lático, ou devido a uma alteração no metabolismo de alguns elementos, como sais minerais, potássio e cálcio, entre outros. O músculo entra em espasmo e contrai sem controle voluntário do organismo.

7)Tendinite: inflamação no tendão, cordão ou feixe fibroso que fica na extremidade dos músculos, devido à repetição excessiva de movimentos, mas que só inflama quando se torna repetitivo e crônico.

Normalente, primeira medida para estas lesões é aplicação de gelo, depois proces serviço médico...após o tratamento, volte a ativa, não deixe isso como empeçilho, ok?

Um comentário:

neguinha disse...
Este comentário foi removido pelo autor.